PEV Entertainment
Twitter
Facebook
YouTube
Flickr
MySpace
RSS
Newsletter
  • Matias Damasio 1
    Ver mais
    Matias Damásio
  • Jamie1
    Ver mais
    Jamie Cullum
  • Da Weasel 1
    Ver mais
    DA WEASEL
Festivais
Festival MEO Marés Vivas
Sons do Mar
Quem gostaria de ver ao vivo em Portugal?
Apoios

Arquivo

Da Weasel 2
DA WEASEL
Comprar Bilhetes para DA WEASEL
14 julho | Festival Marés Vivas
É uma das bandas mais criativas da música portuguesa e das maiores de que há memória; o seu início remonta a Almada, em 1993, e surge da criação e irreverência dos irmãos João Nobre (Braindead) e Carlos Nobre.

Uma vontade de fazer música com ramificações diretas ao hip hop industrial e orgânico dos Disposable Heroes of Hiphoprisy ou dos sociais conscientes Public Enemy, levou João Nobre a desafiar o irmão mais novo a embarcar na ideia e na aventura, a criação dos Da Weasel.
Carlos Nobre assume o papel de Pacman, letrista, voz principal e João Nobre torna-se Jay Jay Neige como compositor maior do projeto.

Armando Teixeira (maquinaria) e DJ Yen Sung (voz) entram para os Da Weasel um ano após o arranque e participam no primeiro EP da banda “More than 30 Mother***s”, todo ele cantado em inglês. Os temas “Monkey king” ou “God Bless Johnny” ecoam pelo país e revelam uma nova realidade no panorama nacional da altura, a união Rock e Rap.

Em 1995, surge o muito aguardado longa duração de estreia, “Dou-lhe Com a Alma”, editado pela Dínamo e é nesta fase que se inicia a transição do inglês para o português como língua dominante, dado que a banda assumia uma postura e consciência sociais irreverentes, na qual a mensagem seria a peça nuclear em todo o projeto. Os Da Weasel, já com Pedro Quaresma na guitarra, tornam-se o grupo revelação do ano e com maior presença e expressão no airplay de rádio em Portugal.

É nesta altura que Yen Sung sai da banda e entram em cena Virgul na voz e Guilherme Guillaz na bateria. É também lançado o disco “3º Capítulo” pela multinacional EMI, com produção da própria banda e Amândio Bastos, que integra as participações de Sam, Sanrise, Fernanda Freitas, João Gomes, Laurent Filipe e Sinde Filipe. Este disco mostra uma banda mais madura na sua sonoridade e mais consciente, tomando o seu espaço na música nacional.

Armando Teixeira sai da banda prosseguindo uma carreira a solo e “Iniciação a uma vida Banal – O Manual” é lançado pela EMI em 1999. “Outro Nível” é o tema de maior expressão. A produção do disco conta com a colaboração do produtor brasileiro Bid, que havia trabalhado recentemente com Chico Science. O disco marca o regresso em força da “doninha”, no seu melhor à atividade discográfica e aos palcos portugueses.

No espaço compreendido entre o lançamento do “3º Capítulo” e a chegada d’”O Manual”, os Da Weasel colaboram noutros projetos.

Em Dezembro de 2010, a notícia colhe Portugal de surpresa e é anunciado na página oficial dos Da Weasel e também através de comunicado da editora para a comunicação social, o fim da banda.

Carlos Nobre, João Nobre, Pedro Quaresma, Guilherme Guillaz, Dj Glue e Virgul, continuaram ativos na música, integrados em vários projetos ou a solo, mas os Da Weasel permanecem como uma das mais aclamadas instituições da música portuguesa e que ainda marca várias gerações.

Chegados a 2019 e, a “doninha” achava que iria surpreender e comunicou na altura que iria regressar aos palcos mas, a humanidade viu-se surpreendida com uma pandemia. O que os levou a cancelar todas a atividades e manifestações culturais. Finalmente, em 2022 os Da Weasel subiram ao palco do Alive, numa noite absolutamente memorável, onde foram a primeira banda portuguesa de sempre a esgotar o festival. Agora a Doninha prepara-se para o comeback a título definitivo em 2023.
Ver mais
Jamie2
Jamie Cullum
Comprar Bilhetes para Jamie Cullum
23 março | Campo Pequeno
24 março | Super Bock Arena
JAMIE CULLUM ATUAM EM PORTUGAL COM DUAS DATAS EM MARÇO DE 2023

O acarinhado músico e pianista de Jazz contemporâneo, Jamie Cullum chega a Portugal em 2023 com dois espetáculos únicos: 23 de março no Campo Pequeno e 24 de março na Super Bock Arena - Pavilhão Rosa Mota. Os bilhetes já se encontram disponíveis nos locais habituais.?

O músico é celebrado em todo o mundo com uma base de fãs leais nos quatro cantos da terra. Nos últimos 18 anos, os seus lendários concertos levaram-no a atuar em festivais e salas ao lado de artistas tão diversos como Herbie Hancock, Kendrick Lamar, St Vincent ou Lang Lang.

Jamie Cullum conta já com oito álbuns na bagagem e o nono prestes a chegar. oito álbuns em seu currículo e o número nove prestes a chegar, estabelecendo-se como um multipremiado artista, com nomeaçõess nos BRIT Awards e nos GRAMMYs, derivadas do sucesso do seu álbum Twentysomething e do sucessor Catching Tales.

Este sucesso deu origem a uma tour mundial que levou Cullum a mais de quarenta países, afirmando-se como uma das melhores atuações ao vivo da atualidade, que culminou no festival Glastonbury.

Ao longo da sua carreira, tornou-se diretor convidado de alguns dos seus festivais favoritos, produzindo concertos extraordinários no Royal Albert Hall para dois BBC Proms, o Hollywood Bowl com a LA Philharmonic e uma noite de Jazz e Drum n' Bass no The Fórum em Londres. Jamie teve já a oportunidade de realizar uma das suas ambições de trabalhar com música para filmes, em Meet The Robinsons da Disney ou Gran Torino de Clint Eastwood.

Entre concertos, direção musical e composição para cinema, Jamie Cullum encontra tempo para o seu programa de rádio ouvido em todo o mundo, baseado no seu estilo primário, o Jazz, mas que mergulha no mundo do hip-hop, electrónica entre outros. Neste programa ouve-se música, fazem-se entrevistas e ainda sessões ao vivo, conquistando o prestigioso ARIA de ouro para Melhor Apresentador Musical, no final de 2018.

Agora, em 2023, o músico chega a Lisboa e Porto com duas datas que prometem ser inesquecíveis.

BILHETES JÁ À VENDA NOS LOCAIS HABITUAIS

Campo Pequeno | 23 de março
Abertura de portas: 20h00
Início do espetáculo: 21h00
BILHETES
Plateia VIP - 65€
1ª Plateia - 50€
2ª Plateia - 45€
Bancada A - 40€
Bancada B - 40€
Bancada C - 30€
Galeria 1ª - 35€
Galeria 2ª - 25€
Mobilidade Condicionada - 25€

Super Bock Arena | 24 de março
Abertura de portas: 18h00
Início do espetáculo: 20h00
BILHETES
Plateia VIP - 65€
Plateia A- 50€
Plateia B - 45€
Balcão 0- 40€
Balcão 1 - 35€
Balcão 2 - 30€
Mobilidade Condicionada Piso 0 - 45€
Mobilidade Condicionada Piso 1 - 30€

Apenas são válidos os bilhetes adquiridos nos pontos de venda oficiais. Não adquira bilhetes em sites de mercado secundário.

Locais de venda oficiais: Campo Pequeno, FNAC, El Corte Inglés, Worten, Agência ABEP
Ver mais
Matias Damasio 2
Matias Damásio
Comprar Bilhetes para Matias Damásio
16 dezembro | Super Bock Arena
Matias Damásio sobe ao palco da Super Bock Arena, no Porto, no dia 16 de dezembro, às 21h00. Este concerto imperdível vem no seguimento dos últimos singles do artista, “O Nosso Beijo” e “Como Antes” que contam com mais de 11 milhões de visualizações no YouTube.

MATIAS DAMÁSIO

Matias Damásio é um dos mais incontornáveis músicos e compositores angolanos popularmente conhecido pelo seu estilo romântico. Tudo começou no ano 2000, com participações em vários concursos de música, tendo arrecadado ao longo dos anos vários prémios e sucessos.

Em 2015 lança o seu quarto álbum de originais alusivos aos 10 anos de carreira, intitulado “Por Amor”. Este álbum arrecadou o prémio de 2º lugar no Top juntamente com o prémio no Top Rádio Luanda, tornando-se assim o seu “bilhete de ida” para Portugal. Em 2016 edita o mesmo álbum pela Sony Music Portugal, provando-se ser um sucesso com o tema “Loucos” a destacar-se pelo país com mais de 68 M de visualizações no YouTube ao dia de hoje. Neste ano, Matias Damásio foi convidado pela artista espanhola Vanesa Martin para participar num dueto, “Porque queramos vernos” que atingiu mais de 45 Milhões de views no Youtube, tornando-se um sucesso na Península Ibérica.

Em 2018 lança o seu 5º álbum “Augusta” que se torna de imediato n.º 1 do Top de vendas em Portugal, esgotando a maior sala de Portugal (Altice Arena), sendo também convidado para estar presente no evento Mónaco Better World Forum onde teve o privilégio de actuar para o Príncipe Carlos. No ano seguinte vence os prémios: Lusofonia (Prémios da música portuguesa), Globos de Ouro em Angola, Angola Music Awards, African Entertainment Awards USA, e em 2020 lança um novo EP com 6 temas: “Viver, Amar & Dançar”, tornando-se rapidamente num sucesso, destacando-se os temas: Luz e Minha Pessoa.

Os últimos singles “O Nosso Beijo” (2021) e “Como Antes” (2022) consolidam a carreira de Matias Damásio como uma das carreiras de maior sucesso em Portugal.
Ver mais
SAMtheKid2
Sam The Kid com Orquestra e Orelha Negra
Comprar Bilhetes para Sam The Kid com Orquestra e Orelha Negra
8 Outubro | Super Bock Arena
Sam The Kid apresenta-se com Orquestra e Orelha Negra  no dia 08 de Outubro, na SUPER BOCK ARENA - Pavilhão Rosa Mota. Samuel Mira vai entrar em palco ao lado da sua banda de sempre, os Orelha Negra (Fred Ferreira, Francisco Rebelo, João Gomes e DJ Cruzfader) e também com uma Orquestra de 24 elementos dirigida pelo maestro Pedro Moreira num concerto que vai ficar para a memória de todos.
Sam The Kid não é só “Entre(tanto)”, “Sobre(tudo)”, “Beats Vol1: Amor”, “Pratica(mente)” ou “Mechelas”. É uma das mais influentes vozes da música nacional, é “TV Chelas”, é “Três Pancadas”, é um dos mais competentes e apreciados produtores do nosso país, é “Orelha Negra”, é “Crime do Padre Amaro” ou “Classe Crua”. É fundamentalmente “Hip Hop Tuga”, entre outras tantas coisas, nas mais diversas áreas em que Sam The Kid deixou o seu toque de midas, como os novos trabalhos 3,14 e Linguagem Marginal.
Um espetáculo que irá revisitar a carreira de um dos artistas fundamentais do Hip Hop Nacional, a não perder dia 08 de Outubro, na Super Bock Arena - Pavilhão Rosa Mota.
 
INFO:
Abertura de Portas: 20h00
Início do espectáculo: 21h00
 
Bilhetes:
Plateia em pé: 24.00 €
Balcão 1: 26.00 €
Ver mais
Diogo2
DIOGO PIÇARRA
Comprar Bilhetes para DIOGO PIÇARRA
17 Julho | Festival Marés Vivas | Vila Nova de Gaia
O seu a´lbum de estreia “Espelho” (2015) alcanc¸ou o #1 da tabela de vendas na primeira semana. O a´lbum foi certificado disco de ouro em 2016 e disco de platina em 2017.

Em 2017, lanc¸ou o seu segundo a´lbum, “do=s”, que entrou diretamente para no 1 das tabelas nacionais. Rapidamente alcanc¸ou a platina. “do=is” tornou-se na maior tour de Diogo Pic¸arra ate´ ao momento, com mais de 130 datas, esgotando concertos e atuando no palco principal de va´rios festivais como Rock In Rio Lisboa, MEO Sudoeste, MEO Mare´s Vivas e Festival F.

Em 2017/2018 Diogo atuou em Paris, Zurich, Sa~o Paulo e Macau, e realizou o dueto “Trevo” com o duo brasileiro Anavito´ria. A mu´sica alcanc¸ou milho~es de visualizac¸o~es no YouTube e atingiu a marca de single de platina.

Em 2018, Diogo apresentou o EP “Abrigo” com 3 canc¸o~es e um vi´deo para cada uma delas, formando uma trilogia. Este EP deu origem a uma tour acu´stica nos principais audito´rios do pai´s, com mais de 30 concertos esgotados.

Pelo meio, Diogo Pic¸arra criou lac¸os e amizade com outros artistas como Karetus, Jimmy P, Ana Bacalhau, Agir, Carolina Deslandes e Lhast, com quem partilha temas nos quais participa como autor, produtor ou inte´rprete. Diogo tem tambe´m colaborac¸o~es com artistas internacionais, tais como os espanho´is Anto´nio Jose´, Miriam Rodriguez, Pol Granch, Sabela, e os brasileiros Vita~o, Anitta e Ja~o.

Em 2019 chegou a era “South Side Boy”, o terceiro a´lbum de estu´dio de Diogo Pic¸arra. Editado em Novembro e cuja tour tera´ inicio na maior sala de espeta´culos do pai´s, a Altice Arena.

?De “South Side Boy” foram ja´ extrai´dos os singles de sucesso “Corac¸a~o” e “Anjos”, em dueto com Carolina Deslandes” e mais recentemente “Cedo”, com a participac¸a~o do rapper e produtor Lhast.

Em Novembro de 2020 regressa aos duetos internacionais desta feita com Vitor Kley, um dos nomes maiores da nova geração da música brasileira. Da parceria na composição entre os dois artistas surge o sucesso “Nada É Para Sempre”, que conta com mais de 2 Milhões de visualizações no YouTube e 1 Milhão e Meio de audições no Spotify, uma das músicais mais ouvidas nas rádios em 2021.

Em abril de 2021 lança o hit “Monarquia”, uma surpreendente colaboração com o rapper Bispo, que recebeu o Single de Ouro apenas 2 meses após a sua edição. A canção esteve um mês no Nº 1 das trends do Spotify e várias semanas no Top 10 das músicas mais ouvidas no Spotify.
Ver mais
MV2
Angie Mcmahon
Comprar Bilhetes para Angie Mcmahon
17 Julho | Festival Marés Vivas | Vila Nova de Gaia
Conhecida pelas suas letras sinceras e relacionáveis, o som de guitarra da cantora/compositora australiana Angie McMahon, que combina elementos de folk e indie rock, ganhou destaque com o lançamento de seu single de estreia em 2017: "Slow Mover". " Dois anos de agitação na indústria e uma dispersão de singles adicionais depois, ela assinou com a Dualtone e lan-çou seu primeiro álbum, Salt.

Cresceu em Melbourne, McMahon começou por se apresentar quando ado-lescente, tocando uma mistura de folk tímido e contemporâneo antes de sua primeira grande chance em 2013, quando ganhou uma competição pa-ra banda suporte de Bon Jovi na parte australiana de sua turnée “Because We Can”. Embora gostando da experiência, saiu da indústria para continuar a compor, tocar e aperfeiçoando o seu ofício.

Depois de fazer concertos ao vivo e gravar um EP com o grupo, McMahon decidiu seguir sua carreira a solo e, depois de tocar o seu som agora mais indie rock em espectáculos, ela finalmente lançou seu single de estreia "Slow Mover" em 2017. pela rá-dio nacional, a música rapidamente a impulsionou para os holofotes, e seus acompanhamentos, "Keeping Time" e "Missing Me", apareceram logo de-pois. Seguiram-se slots de suporte para Shins, Father John Misty e Angus & Julia Stone, assim como shows esgotados na Austrália e no Reino Unido No início de 2019, McMahon lançou o single "Pasta" e também foi indicado pa-ra Canção do Ano e Trabalho de Rock do Ano no APRA Awards 2019.
Ver mais
Maro 2
MARO
Comprar Bilhetes para MARO
17 Julho | Festival Marés Vivas | Vila Nova de Gaia
Quem é Mariana Brito da Cruz Forjaz Secca, mais conhecida por Maro, que passou à final da Eurovisão? Com apenas 26 anos, Maro está a dar que falar com a sua música "Saudade, Saudade" e que já lhe valeu elogios vindos de vários países.

A música sempre fez parte da vida de Maro. Cresceu em Lisboa, numa família ligada à música - a avó é pianista e a mãe professora de música - e aos quatro anos começou a ter aulas de piano. Começou a escrever músicas com 11 anos, mas o "clique" só aconteceu quando estava a ouvir música, enquanto estudava para os exames nacionais, no secundário. Foi aí que se perdeu uma bióloga ligada ao estudo dos animais para ganharmos uma artista.

A música já a levou a viver em vários países. Aos 19 anos, Maro candidatou-se à escola de Berklee, em Boston, nos Estados Unidos, onde completou o curso de Professional Music. Depois foi viver para Los Angeles, Califórnia, onde foi agenciada pelo artista norte-americano Quincy Jones e fez parte da banda do britânico Jacob Collier. Antes de regressar a Portugal, Maro ainda viveu no Brasil e Paris.

A artista tem cinco discos editados e tem provado a todos o seu talento. A mãe já a conquistou. Numa entrevista à TSF, em 2020, a mãe de Maro, Cristina Brito da Cruz, não escondeu o orgulho : "Ela tem um timbre único, afinação que eu adoro, e precisão rítmica".

Em pleno confinamento, Maro começou a partilhar vídeos, no Youtube, em que convidava outros artistas para interpretarem com ela temas em colaborações remotas. Numa das atuações, Maro surgiu no ecrã com Eric Clapton para interpretaram "Tears in Heaven", num momento épico.

Daí para o Festival da Canção foi um tirinho. Agora são poucos os que não sabem quem é Maro, a vencedora do último Festival da Canção, com a canção "Saudade, Saudade". Este tema é uma homenagem ao seu avô, que morreu recentemente. No vídeo de apresentação da música, a cantora disse que escreveu o tema para o relembrar e, por ser tão pessoal, tinha de ser mesmo ela a cantá-lo.

Maro representa Portugal com um coro feminino composto por cinco cantoras portuguesas - duas delas participaram neste Festival da Canção. São elas Beatriz Pessoa, Carolina Leite, Beatriz Fonseca, Diana Castro e Milhanas.
Ver mais
Jessie J
JESSIE J
Comprar Bilhetes para JESSIE J
17 julho | Festival Marés Vivas | Vila Nova de Gaia
Dona de empolgantes vocais que podem ser registados na escala de Richter, de uma alma desenfreada, de letras confessionais e de uma atitude poderosa, a cantora multiplatina vencedora do BRIT Award e GRAMMY®, Jessie J, toca no coração de todos sempre que atua. Com mais de 1,5 biliões de streams, inúmeras certificações de ouro e platina e 23 milhões de vendas de discos até ao momento, a sua voz continua a tocar em quase todos os cantos do globo.

Em 2011, Jessie J conquistou um lugar no cenário mundial com a sua estreia, Who You Are. Não só ganhou platina, mas também se destacou no Top 15 dos 200 maiores da Billboard. "Price Tag" [feat. B.o.B] conquistou o primeiro lugar em 18 territórios e acabou por se tornar platina pela quarta vez seguida. O tema “Domino” com dupla platina chegou logo de seguida. Inúmeros elogios seguiram-se com o prestigiado prémio BRIT por "Critic's Choice", "Sound of 2011" da BBC e um convite para ser embaixadora nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012.

2014 explodiu quando "Bang Bang" - com Ariana Grande e Nicki Minaj - dominou as tabelas e ganhou seis vezes uma certificação de platina. Entretanto, o seu segundo set, “Sweet Talker”, entrou no Top 200 no Top 10. Mostrando-se como nunca, Jessie J criou um corpo épico de trabalho na forma de “R.O.S.E.” (Realizações, obsessões, sexo e empoderamento). Lançada em quatro partes ao longo de 2018, a cantora trouxe esta obra confessional para o público, com espetáculos esgotados em todo o mundo. Ao mesmo tempo, Jessie J terminou o ano com seu primeiro álbum de férias, “This Christmas Day”. 2019 foi um dos anos mais ousados e melhor de todos os tempos.
Em 2022 Jessie J promete dar um espeta´culo inesqueci´vel no dia 17 de julho no palco MEO.

INFO BILHETES:

Os bilhetes para a edic¸a~o de 2020 ja´ esta~o disponi´veis no site da Ticketline e no site oficial do MEO MARE´S VIVAS , por 40€ o bilhete dia´rio e 80€ o passe geral. Os bilehtes sera~o ainda disponibilizados nas lojas MEO, lojas FNAC e no site masqueticket.com. 
Ver mais
© 2010 PEVENTERTAINMENT Todos os direitos reservados
Powered By Wiremaze